Faltam 60 dias para a maior festa religiosa do Espírito Santo

Paz e Bem!

Está chegando a hora! Faltam apenas dois meses para o início da maior festa religiosa dos capixabas, a Festa em honra, louvor e devoção à Nossa Senhora da Penha. Ela tem início sempre no Domingo de Páscoa, celebração que plenifica uma das Sete Alegrias de Maria, quando a Mãe vê Cristo Ressuscitado (Sexta Alegria de Nossa Senhora). Alegria é o sentimento que enche o coração de tantos povos, tantas gentes, há mais de quatro séculos e meio.

Frei Pedro Palácios, franciscano leigo que fundou o Convento da Penha, antes de fazer sua páscoa, no ano de 1570, iniciou aqui em terras Espírito-Santenses esta festa que se tornou muito popular em nossos dias. A Festa da Penha tem origem novamente na devoção à Nossa Senhora das Alegrias. A Festa tem duração de 9 dias, ou seja, inicia no Domingo da Páscoa e culmina na segunda-feira encerrando a Oitava da Páscoa.

O coração de uma mãe se alegra por tantas maravilhas, tantos dons, tantas realizações na vida de um filho. Com Maria Santíssima não seria diferente. A Festa da Penha, faz questão de recordar, agradecidamente, alguns momentos em que o coração da Mãe Maria se encheu plenamente de alegria. Esses momentos trazem devoção, amor, carinho, ternura, sentimentos que comprovam o júbilo da maternidade assumida ao aceitar, conceber e criar o Salvador.

É verdade que desde o início da pandemia as festas e celebrações ganharam um tom diferente, talvez mais devocional, mais familiar. O Campinho, que antes era espaço dos milhares de filhos e filhas, foi palco das câmeras e da restrita presença de alguns freis nas celebrações. O som, que formava coro com as incontáveis vozes que clamavam “Salve, Mãe das Alegrias”, formou esperança pelas ondas radiofônicas e pelas SmartTV’s, smartphones, notebooks e outros meios eletrônicos. Aqueles que antes acorriam à Penha, congregaram de forma inovadora. Nossa Senhora da Penha adentrou os lares de romeiros espalhados pelo mundo inteiro, fazendo de cada casa um “Convento da Penha”.

O ano de 2020 ficou marcado pela história. Fizemos história. Histórica Festa de 450 anos. Histórica Festa da Penha, virtual e interativa. Nem por isso deixamos de abraçar o Estado do Espírito Santo inteiro. Estivemos unidos aos 78 municípios desse povo espírito-santense. É a festa da unidade, da luz, das alegrias… A Festa da Penha é o louvor bonito de todos os capixabas, que na Penha Sagrada, renovam, ano a ano, a esperança e o amor.

Sim, é verdade que em 2020 não conseguimos demonstrar publicamente nas ruas (como gostaríamos), que nossa Igreja não é órfã. Nós, cristãos católicos temos Pai e também temos uma Mãe que olha, cuida e intercede por nós. Claro, ficamos entristecidos pela impossibilidade de aglomerar nas caminhadas, nas tradicionais romarias, procissões, Missas, atos devocionais… Ah, que pena! Mas fizemos de um jeito novo e bastante criativo.

Em 2021, a Festa de Nossa Senhora da Penha será novamente assim: a distância, online e interativa. É preciso manter os cuidados por causa da pandemia do Novo Coronavírus e ainda nos eventos que poderá haver presença física do povo fiel, a Festa se fará digital, acessível a todos, inclusive os mais jovens. É que foi desenvolvida também uma imagem de Nossa Senhora da Penha mais lúdica, elaborada para estar presente nas peças de comunicação alusivas à Festa com a finalidade de criar empatia com o público de todas as idades, em especial os mais jovens.

Outro destaque para as festividades da Padroeira neste ano, é o tema. “Vosso olhar a nós Volvei”, trata-se de uma alusão ao canto tradicional da devoção Mariana e ao poder do olhar misericordioso de Nossa Senhora sobre nosso povo. A escolha se faz propícia no cenário atual, em que devemos renovar os votos de fé para que nossa padroeira interceda por nós. Mas também tem outro significado nesse período de pandemia.

Em tempos de rosto coberto pela máscara, sinal de cuidado e prevenção, o olhar adquire relevância especial. Neste “novo normal”, mascarado e com distanciamento, os olhos reforçam sua missão própria de serem o “espelho da alma” e, através deles, as pessoas aprendem a sorrir, a acolher, a cumprimentar, a abraçar, a demonstrar afeto e atenção.

Algumas informações importantes que não podemos esquecer:

  • Quando será a Festa da Penha? A Festa da Penha será realizada de  04 e 12 de abril de 2021.
  • Qual o tema da Festa? “Vosso olhar a nós Volvei”
  • Quando será o feriado da Padroeira? O feriado estadual neste ano será no dia 12 de abril.
  • Há quantos anos a Festa da Penha é celebrada? A Festa da Penha é celebrada ininterruptamente há 450 anos (desde 1570) e em 2021 será a 451ª edição da Festa.
  • A Festa da Penha também será presencial? Alguns eventos poderão ter a presença do público, porém com controle de quantidade e exigência do cumprimento de protocolos sanitários.
  • Como participar da Festa pela internet? Toda a programação da Festa da Penha terá cobertura pelas redes sociais do Convento, por isso é importante desde já se inscrever no canal do YouTube, seguir a página do Convento no Facebook e ser um seguidor no Instagram.
  • Haverá Romaria dos Homens e das Mulheres? Não haverá nenhum evento com aglomeração de fiéis. A Romaria das Famílias será numa modalidade que exigirá distanciamento e não haverá, em hipótese alguma, concentração de pessoas.

Fonte: Convento da Penha

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp

Facebook