Dia Internacional da Mulher

Cada Mulher é expressão da infusão de vida e amor que brota do originante amor do Criador. Num ventre de total receptividade para que a vida venha à luz, nossa vida se faz existência, colo, história e marcas definitivas do feminino feito mãe. Como uma lua que deixa passar a luz, a Mulher sempre desaparece para deixar transparecer a força de um grande amor. Mulher, namorada, noiva, amiga, esposa e companheira é amável em tudo o que é e faz.

Cada mulher permite o amor ser amado, transforma o amor numa declaração incontestável de cuidado; não um amor de carência, mas de capacitação e complementação. É o amor que temos que ver e sentir falta quando não podemos ter; um amor que é espelho e reflexo do que o mundo tem de mais sensível. Não existe ternura e afeto desconectado de uma Mulher. A vida das coisas é percebida pelos olhos, mãos, coração e presença da Mulher.

Cada Mulher traz as marcas mais lindas do Criador com sua presença luminosa e vivificante, com seu jeito de percepção e gratidão. Nela, o Amor vem ser pessoa humana e cria em nós o jeito de ser filho e filha, amante e amados. A Mulher uniu a si toda a humanidade, por isso tudo o que toca com amor humano com jeito divino: transforma. Oferece seu útero para a mais completa hospitalidade na arte de fecundar a vida.

Cada ano estamos aqui, nesta data, no Dia Internacional da Mulher para reafirmar em nós certezas explícitas ou escondidas; para trazer a memória e para a celebração da constante recordação de que o amor nunca termina. Parabéns, Mulher! Parabéns por todo amor que nos motiva a ser o que temos que ser, e fazer o que temos que fazer. Parabéns pelo Dia da Mulher, um dia feito para nos lembrar que todos os dias são dias para amar.

Frei Vitorio Mazzuco OFM

          Pastoral Universitária

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp

Facebook