A Paróquia

A Paróquia Nossa Senhora do Rosário faz parte da Arquidiocese de Vitória – ES. Sua a administração está sob os cuidados dos frades franciscanos, da Ordem do Frades Menores (OFM). A Paróquia é composta por 10 comunidades. Sua Matriz é a Comunidade Nossa Senhora do Rosário, situado no centro de Vila Velha, na Prainha. A secretaria e casa paroquial estão juntas a Comunidade Santuário Divino Espírito Santo. O Atual Pároco, é Frei Djalmo Fuck, OFM. 


Paróquia Nossa Senhora do Rosário

Vasco Fernandes Coutinho

Mais conhecida como Igreja da Prainha, a Matriz leva o título de Nossa Senhora do Rosário.  Provavelmente, a Igreja foi construída como alguns dizem, por Vasco Fernandes Coutinho, logo após sua chegada, em 23 de maio de 1535. Se assim o foi, sem dúvida, a mais antiga do Espírito Santo! Outros, asseguram que fora construída pelo dinâmico Padre Afonso Brás s. j.  em 1551, auxiliado pelo seu confrade irmão-leigo Simão Gonçalves, pelo próprio Vasco Fernandes Coutinho e pelos colonos recém-chegados. Sabemos que desde o início existiu dentro dela ou, então, numa casa anexa, a Irmandade da Misericórdia que, em 1605, se transferiu para Vitória. Não se sabe a data certa, mas a Igreja do Rosário, de Vila Velha, tornou-se Freguesia (Paróquia), possivelmente, na segunda metade do século XVII. Foi uma das primeiras Freguesias do Espírito Santo.

imagem/Wagner Veiga, Artista Plástico

No decurso do tempo, a igreja do Rosário foi várias vezes reformada, preservando sempre seu estilo colonial com traços do barroco. Em 1750, era uma importante Paróquia da Capitania. Em 28 de janeiro de 1860 foi visitada por Dom Pedro II, que se assustou com seu estado de abandono.

Em abril de 1942, tendo o padre Raymundo Pereira de Barros (depois Monsenhor Barros) deixado a Paróquia de Nossa Senhora do Rosário para ser o Cura da Catedral de Vitória, a Paróquia foi entregue provisoriamente por Dom Luís Scortegagna aos Franciscanos. Na época, a Paróquia abrangia todo o Município de Vila Velha e sua sede se localizava na antiga Igreja Nossa Senhora do Rosário, situada perto do sopé do Morro da Penha, no local chamado Prainha.

Franciscanos e a Paróquia do Rosário

Em 27 de setembro do mesmo ano, a Paróquia foi entregue definitivamente aos franciscanos. O desenvolvimento e crescimento urbano, populacional, comercial, turístico, urbanístico e industrial do Município foi tão grande que surgiram por toda parte novos bairros e, consequentemente, foram criadas novas Paróquias na Área de Vila Velha para atender melhor às necessidades espirituais do povo.

Santuário Divino Espírito Santo

Após a construção do Santuário Divino Espírito Santo, no Centro de Vila Velha, entre 1950 e 1960, a sede da Paróquia se transferiu para lá, mas conservando seu antigo título de Nossa Senhora do Rosário. Em 1973, o Departamento Estadual de Cultura realizou na antiga igreja um bom trabalho de restauração. A história de Vila Velha e a do Espírito Santo, nos primeiros anos da colonização, girou em torno da Igreja do Rosário, um símbolo de nossa história cívica e religiosa.

(Pe. Adwalter António Carnielli).