Mensagem do Ministro Provincial para o dia de Santa Clara de Assis

Clara de Assis, luz para uma nova humanidade

Neste dia 11 de agosto, a Família Franciscana celebra a Festa de Santa Clara de Assis. Dentre as muitas preces que a ela dirigimos neste momento da nossa história, queremos suplicar e buscar em Santa Clara a luz a inspiração para reconstruirmos uma nova humanidade. A pandemia não só desvelou os muitos dramas da vida humana e da criação, como também agravou muitas feridas, particularmente das pessoas mais pobres, vulneráveis, descartadas e também aumentou o gemido da Mãe-Terra com as queimadas de biomas naturais, particularmente os da Amazônia e do Pantanal.

A vida de Santa Clara, desde o seu nascimento até a sua canonização, está toda envolta no mistério e no simbolismo da luz. A voz ouvida antes do parto por Hortolana, mãe de Clara, “não temas, mulher, porque salva vais dar ao mundo uma luz que vai deixar a própria luz mais clara”, é ratificada na Bula de Canonização de Santa Clara: “Clara, preclara por seus claros méritos, clareia claramente no céu pela claridade da grande glória, e na terra pelo esplendor dos milagres sublimes”. E continua a Bula: “O mundo recebeu de Clara um claro espelho de exemplo… Brilhou no século…, brilhou na vida…, foi clara na terra e reluz no céu”.

A luz profética de Santa Clara não só brilhou naquele período da Idade Média, mas continua a ser luz referencial para a humanidade de hoje que, neste momento, atravessa por diferentes situações de trevas. Por isso, neste dia festivo, queremos invocar Santa Clara e suplicar-lhe que, com a sua clareza e seu “espelho de exemplo”, nos inspire a sermos “candelabros de santidade” para construirmos uma nova humanidade:  Uma humanidade reconciliada e pacificada; uma humanidade cuidadora, fraterna e profética; uma humanidade transfigurada a partir do Amor de Deus; uma humanidade reconstruída na fé e compadecida com as dores dos irmãos e da inteira criação; uma humanidade alimentada pela esperança de um mundo melhor, com a proposta de “uma forma de vida com o sabor do Evangelho” (Fratelli tutti, n.1).

O Senhor te abençoe e te proteja / faça resplandecer sobre a ti a sua face
e te dê a sua misericórdia.

Volte para ti o seu olhar / e te dê a paz.

Derrame sobre ti as suas bênçãos e no céu te coloque entre os seus Santos e Santas.

FREI FIDÊNCIO VANBOEMMEL, OFM

Ministro Provincial

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp

Facebook