Concerto de Cordas em Vila Velha

As paróquias Nossa Senhora do Rosário e Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, em Vila Velha, vão receber um concerto gratuito para homenagear as vítimas da Covid-19 e as vítimas dos ataques de 11 de setembro, nos Estados Unidos. Uma Orquestra de Cordas vai executar obras de Barber e Tchaikosvky e será regida pelo maestro Frederico Gouveia, que é brasileiro e mora atualmente em Nova York. A participação poderá ser presencial, porém dentro dos padrões de distanciamento social que será mantido pelas igrejas.

Na sexta-feira, dia 10 de setembro, a apresentação acontecerá na Igreja Matriz da Paróquia Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, Praia da Costa, às 19h30.  Serão disponibilizadas 430 vagas e o agendamento será pelo aplicativo da paróquia, assim como acontece com as missas.

Já no sábado, dia 11, a apresentação será na Igreja histórica Nossa Senhora do Rosário, Prainha, também às 19h30. As vagas serão preenchidas por ordem de chegada. Para quem deseja participar presencialmente está sendo pedido a doação de 1 kg de alimento não perecível.

Tudo será transmitido pelo canal do Youtube Spirit Reflections, que é bilíngue (em inglês e português) e foi criado pelo maestro Frederico Gouveia no ano passado – já no período da pandemia – para entrevistar artistas, cientistas, religiosos e filósofos sobre espiritualidade e seu caminho de fé.

Segundo Frederico a ideia do concerto surgiu como uma maneira de conhecer os músicos profissionais de Vila Velha e Vitória pessoalmente e musicalmente também. Além disso, surgiu a vontade de oferecer música de concerto ao vivo para o público, já que estamos há quase 2 anos sem ter eventos presenciais, o que vem afetando músicos e artistas de todas as modalidades.

“Eu por morar nos EUA há 27 anos, tenho os ataques de 11 de setembro bem marcados na minha memória. E já que estamos chegando na data dos 20 anos deste evento, pensei de fazermos um momento musical que prestasse homenagem não só às pessoas que estão passando pela dor da COVID-19 atualmente, como também às vítimas deste evento histórico que mudou o mundo 20 anos atrás”.

O maestro conta que entrou em contato com os músicos da região e juntos arregimentaram uma orquestra de cordas com violinos, violas, violoncelos e baixos em um total 10 músicos: “iremos apresentar duas das mais importantes músicas dos séculos 19 e 20: o Adagio para Cordas do americano Samuel Barber (que foi tocado nos funerais do Kennedy, Albert Einstein, Roosevelt, entre outras celebridades) que virou o tema de contemplação e reflexão dos ataques de 11 de setembro. Além desta, iremos tocar a famosa Serenata para Cordas do russo Tchaikovsky – que transporta o público para lugares lindos e inesperados em toda sua extensão”.

Mas o objetivo desta iniciativa vai além. Maestro Frederico explica que este será o início de um trabalho para aliar música com a medicina. De que forma? Buscando patrocínio para levar músicos profissionais para tocar em hospitais, clínicas e asilos, já que os benefícios médicos e terapêuticos da música hoje são mais que comprovados, além de oferecer mais oportunidades de músicos poderem se apresentar com mais frequência para um público diverso e necessitado desta interação.

Fonte: Arquidiocese de Vitória

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp

Facebook