Comunidades Cristo Rei Formação Jesus Ressuscitado Paróquia em Ação

Solenidade de Cristo Rei

A solenidade deste último domingo, do ano litúrgico da Igreja, nos coloca frente à realeza do rei Jesus. Criada em 1925, pelo Papa Pio XI, esta festa litúrgica pode parecer pretensiosa e triunfalista. Afinal, de que realeza se trata?

Para superar a ambiguidade que permanece, precisamos ir além da visão do Apocalipse, cujo hino na segunda leitura canta que “Jesus é o soberano de todos os reis da terra”. Ora, reis e rainhas não servem de modelo para a representação gloriosa de Jesus. Mesmo que seja para colocá-Lo acima de todos os soberanos. Riquezas, palácios, criadagem e exércitos não são elementos que sirvam para exaltar a entrega de Jesus por nós. Jesus está na outra margem, Ele é a antítese da realeza da riqueza e do poder. Não é por acaso que os evangelhos da liturgia de hoje, nos ciclos litúrgicos A, B, e C da Igreja, sempre nos colocam no contexto da Paixão de Jesus para contemplar Sua realeza.

Quando Jesus foi rei?

Jesus foi Rei, durante sua vida, em apenas dois momentos: ao entrar em Jerusalém como um Rei pobre, montado em um jumento emprestado e ao ser humilhado na Paixão, revestido com manto de ”púrpura-gozação e capacete de espinhos”; e Rei ao morrer despido, com o peito transpassado na cruz. Rei da paz e Rei do amor sem limite até a morte. A realeza de Jesus é a realeza do Amor Ágape de Deus por toda a humanidade e por toda a criação.

Essa festa é a ocasião propícia para podermos reconhecer, mais uma vez, que na cruz de Jesus o ”poder dominador”, o ”poder opressor”, criador de desigualdades e exclusões, espalhador de sofrimento por todos os lados, está definitivamente derrotado. Isso se deu pelo seu modo de viver para Deus e para os outros. O fracasso na cruz é a vitória de Jesus sobre o mal, o pecado e a morte, por meio de Sua ressurreição.

Celebrações em nossa Paróquia

Na nossa Paróquia, além da Solenidade que será celebrada no domingo dia 24 de novembro em todas as celebrações do dia nas 10 comunidades, duas em especial têm uma preparação maior, por terem Cristo Rei como seu padroeiro. Confira a programação para as Comunidades Cristo Rei e Jesus Ressuscitado para estes dias, e além delas, no domingo nas outras comunidades haverá a Solenidade nos horários comuns de celebrações aos domingos.

Confira os endereços de cada comunidade e os horários de missa e celebrações.

AGENDA PAROQUIAL 2020